Meteorologia Serra Estrela - Vitor Baia

Beira Interior Tarifa de tratamento de lixo baixa três euros para alguns municípios

A tarifa que 14 municípios da Beira Interior pagam pelo tratamento do lixo vai baixar este ano três euros por cada tonelada de resíduos, anunciou hoje a empresa Resiestrela.

O valor cobrado aos municípios passará de 43,96 euros por tonelada, cobrados em 2013, para 40,94 euros, o que representa uma diminuição de 3,02 euros, cerca de 07% em termos percentuais, refere em comunicado a empresa responsável pela gestão do sistema multimunicipal.
 
A nova tarifa, que tem efeitos retroativos a janeiro, já foi aprovado pelo ministério da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território.

De acordo com a empresa, desde 2009 - ano em que a concessão foi transferida da empresa Águas de Zêzere e Côa para a Resiestrela - a redução do valor da tarifa fixa-se num valor global de 9,78 euros, já que passou de 50,72 euros para os atuais 40,94 euros.

A empresa explica ainda que a redução decorre de um conjunto de investimentos que têm vindo a ser efetuados ao longo do ano e que potenciaram "o aumento da eficiência de operação da empresa e o incremento de benefícios ambientais".

Entre esses investimentos contam-se a remodelação da unidade de tratamento mecânico de resíduos sólidos e a criação do sistema de aproveitamento energético do biogás produzido no aterro sanitário do Fundão.

"O término de litígios que existiam com algumas entidades há longos anos" é, segundo a empresa, outro dos motivos que contribuiu para a redução da tarifa, já que permitiu a "racionalização de custos operacionais e financeiros".

A Resiestrela é responsável pela concessão do sistema multimunicipal de triagem, recolha seletiva, valorização e tratamento de resíduos sólidos urbanos provenientes de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Guarda, Manteigas, Penamacor, Pinhel, Sabugal e Trancoso, num total de cerca de 200 mil habitantes.

Fonte: Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Para ver outras noticias Clique em MENSAGENS ANTIGAS