Meteorologia Serra Estrela - Vitor Baia

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Autarquia Manteigas contra obras de requalificação de estrada na Serra da Estrela

O presidente da Câmara Municipal de Manteigas, José Manuel Biscaia, considerou hoje "inaceitável" a intervenção que a Estradas de Portugal vai realizar na estrada Piornos - Manteigas e pediu uma audiência ao ministro da Economia.


A Estradas de Portugal (EP) iniciou na quarta-feira a obra de requalificação da estrada ER 338, entre Piornos e Manteigas, na Serra da Estrela, o que obriga à supressão da circulação automóvel.
PUB
"Os trabalhos a executar consistem na renovação do pavimento em toda a extensão, melhoria do sistema de drenagem da estrada, reparação e colocação de nova sinalização horizontal e vertical e a reconstrução de muros em diversos locais ao longo do troço", anunciou a EP em comunicado enviado à agência Lusa.

O autarca de Manteigas (PSD) discorda da obra, avaliada em um milhão de euros, e do corte de trânsito na ER 338 entre Manteigas e Piornos, por um período de quatro meses, para requalificação do referido troço, e emitiu hoje um comunicado através do qual pede uma via "devidamente reabilitada".

"Achamos indispensável que haja intervenção na estrada N338, mas que nos opomos ao tipo de intervenção que se pretende operar", refere José Manuel Biscaia.

Na nota, o autarca de Manteigas lembra que a autarquia reclamou, ao longo de década e meia, "uma intervenção digna, capaz e útil, mas sempre em consonância e respeito pelos valores naturais e paisagísticos do espaço, ao longo da maravilha que é o Vale Glaciário do Zêzere".

"Não pretendemos nem um IC [Itinerário Complementar], nem um IP [Itinerário Principal]", explica, lembrando que a Câmara Municipal sempre apontou a importância da via, considerada de "turística por excelência", como sendo "uma janela de oportunidade" para aquele concelho da Serra da Estrela.

O autarca lembra que "muitos e bastos foram os alertas e solicitações dirigidos ao Governo e às entidades responsáveis", mas, "lamentavelmente, sem quaisquer resultados até agora", situação que é "democraticamente inaceitável".

José Manuel Biscaia adianta que enviou uma carta dirigida ao ministro da Economia a pedir uma reunião com "caráter de urgência" para abordar o assunto.

A autarquia de Manteigas reclama uma ER 338 "devidamente reabilitada e não remendada", assinalando que a via apresenta deficiências que "inibem o cruzamento de viaturas que demandam ou regressam, designadamente das Penhas da Saúde e da Torre".

O responsável anuncia no comunicado hoje divulgado que explicará a posição da autarquia numa conferência de imprensa a realizar na quarta-feira, pelas 11:30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Aquela autarquia do distrito da Guarda foi informada que, no mesmo dia, pelas 14:30, a população de Manteigas fará uma manifestação no início da estrada, junto do cruzamento do Poço do Inferno.

Fonte:  Noticias ao Minuto


Sem comentários: